Empresa das Águas do Vimeiro conquista Certificação Internacional de Segurança Alimentar

Food Safety System Certification (FSSC 22000) é a nova certificação das Águas do Vimeiro atribuída no passado mês de julho à sua captação, ao seu engarrafamento  e à sua distribuição primária de água mineral natural, água mineral natural gaseificada e água de mesa.

A FSSC 22000 é uma norma robusta, transparente e extremamente exigente que responde a critérios internacionais elevados e atende aos requisitos de segurança alimentar.

Com o propósito de aumentar a confiança dos consumidores, garantir a máxima qualidade e segurança de todos os produtos, melhorar o desempenho organizacional e acompanhar as necessidades de parceiros e fornecedores, a empresa submeteu-se a uma auditoria minuciosa, realizada pela APCER, para atribuição desta certificação.

A marca assume assim a sua cultura de melhoria contínua onde a satisfação dos consumidores, a proteção do meio ambiente, a valorização de todos os colaboradores, o cumprimento das leis em vigor e, paralelamente, a oferta de um produto com elevados padrões de qualidade são uma constante, refere  José Pedro Fezas Vital, administrador da EAV.

Com o foco na excelência do processo de produção e de distribuição das águas e na constante inovação da marca Vimeiro, esta mais recente certificação vem reconhecer todo o empenho da empresa que continua a reunir todos os esforços para manter a tendência de crescimento consolidado registado nos últimos quatro anos, afirma Pedro Esteves, diretor comercial e de marketing da EAV.

Desde 2009, data em que a empresa iniciou um processo de reestruturação com o lançamento da água Vimeiro Lisa, que a marca tem reforçado a sua posição no mercado de águas engarrafadas aumentando tanto o seu reconhecimento e notoriedade como, consequentemente, a sua quota de mercado.

De salientar ainda que o FSSC 22000 é um criterioso programa de certificação de gestão da segurança alimentar que incorpora normas já existentes, entre as quais a ISO 22000, PPR’S específicos do sector e HACCP, que conta com o parecer e aprovação do Global Food Standard Initiative (GFSI).

af_vimeiropress_03

Voltar